[Economia Colaborativa] O comportamento do consumidor está mudando! 7 dicas para tornar sua empresa mais COOL.

Economia Colaborativa: O comportamento do consumidor está mudando! 7 dicas para tornar sua empresa mais COOL

 

Você sabia que países como Reino Unido, Bulgária e França muitas lojas estão fechando porque as pessoas não estão mais consumindo produtos novos como há tempos atrás?

 

O acelerado avanço na tecnologia mobile, vem conectando as pessoas, seus pertences e suas habilidades. Além do crescimento das redes sociais e dos negócios colaborativos, as pessoas estão redescobrindo antigas relações de mercado como a permuta, arrendamento, compartilhamentos e empréstimos de bens e serviços.

Agora, podemos compartilhar mais com mais pessoas que, necessariamente, não conhecemos.

Esse fenômeno está crescendo rapidamente como resultado de

 

4 tendências de comportamento do consumidor

  1. Mais e mais pessoas percebem que precisamos uns dos outros;
  2. Utilização instantânea das tecnologias digitais;
  3.  A recessão global e crise econômica, que tem mudado o comportamento do consumidor fundamentalmente;
  4. O aumento da preocupação com os problemas ambientais.

Estas quatro tendências em conjunto promoverem a característica do modelo de consumo do bem comum, que vai caracterizar o século 21.
Além das tendências acima referidas, um fator-chave para o Consumo Colaborativo é construir a confiança entre desconhecidos. As ferramentas digitais ajudam na verificação da identidade e credibilidade. Redes sociais e plataformas vêm também facilitanto a construção de confiança de várias maneiras. Mas quais os principais beneficios do Consumo Colaborativo?

Embora existam muitos benefícios sociais e ambientais que fazem com que as pessoas participem de alguma forma na “economia colaborativa”, as razões mais comuns para experimentar esses serviços são: mais comodidade, mais oportunidades de escolha e menor preço. Além, também, que continua o interesse das pessoas em relacionarem-se com outras pessoas.

Em um nível individual, as pessoas usam o consumo colaborativo para fazer ou economizar dinheiro, conectarem-se com outras pessoas em sua comunidade e para acessar os recursos necessários sem a necessidade de comprá-los.

 

7 Dicas imperdíveis para tornar sua empresa COOL

 

1- Descubra onde há capacidade não utilizada

Potencial social, econômico e ambiental inexplorado no seu negócio, e encontrar formas de maximizar essa capacidade.

 

2- Crie experiência única e significativa para os clientes.

As pessoas estão olhando a comunicação com outras pessoas como oportunidade de expressar a sua individualidade e tudo que fazem.

 

3- Explore como aproveitar oportunidades no mercado de bens usados – (mercado RECOMMERCE)

Para encontrar maneiras de dar uma segunda vida aos seus produtos, maximizar os recursos existentes e reduzir o desperdício.

 

4. Aproveite todos os ambientes de sua empresa.

Tornando-os espaços compartilhados e colaborativos.

 

5. Firme parcerias e alianças com Startups de Economia Colaborativa.

 

6. Se possível, disponibilize produtos avariados para trocar, alugar, emprestar, doar.

Não tenha medo de mudar e inovar!

 

7. Crie ou adquira novos produtos e serviços para sua empresa com o propósito de serem compartilhados. Grandes empresas como a BMW, já responderam à tendência com o timeshare decisão carros DriveNow.

 

 

Querido leitor, estamos vivendo uma época de mudança dos padrões de consumo. As empresas tradicionais estão cada vez mais conscientes da importância dessa tendência e mudar seu modelo de negócio para atender às necessidades dos consumidores.

 

A Economia Colaborativa tem o potencial para criar novas oportunidades para os consumidores e empresários e contribuir para a criação de inovadores modelos de negócios.

 

Há empresas que acreditam que esta é uma moda que vai passar ou que as ameaças jurídicas vão coibir o surgimento de novas empresas. Entretanto, testemunhamos os motoristas de táxi reagindo contra o compartilhamento de veículos e a indústria hoteleira contra plataformas de quartos compartilhados, etc…

Nos próximos anos, vamos observar o amadurecimento das empresas, bem como a adoção destas práticas por marcas estabelecidas que querem manter-se em uma época de mudança dos padrões de consumo.

Amigo, esperamos que estas dicas tenham sido úteis para seu negócio. Até mais!

Se você gostou do artigo, deixe seu comentário e compartilhe abaixo em suas redes sociais.